Minhas desequilibradas palavras são o luxo do meu silêncio. Clarice Lispector.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010


Nao sei se a minha capacidade de encarar fatos da vida acontecem naturalmente, sei que existem horas em que nao consigo mover a boca pra dizer alguma coisa. complicado se expor, complicado lidar com preconceito de pessoas que por falta de informacao nos julgam como malucos ou pessoas fracas que nao tem um objetivo na vida, eu nao tenho um objetivo eu tenho varios, eu sou a o resultado do que eu luto, embora hoje fraca, sem animo, mesmo assim nao demosntro a devastadora corrente de dores que em meu corpo carrega! Acredito em uma outra vida que nao essa, e acredito que o meu sorriso sera o mesmo que foi 'a alguns anos atras bem vividos de experiencias, a maioria delas de aprendizado e muita luta, com uma pequena fé que me sustenta a vida que vivo a cada dia e noite. Nao sou a menina de 13 anos , nem a de 15 anos , sou hoje a garota, menina, mulher de 27 anos que espera um dia realizar um de seus sonhos! fabiana murer

2 comentários:

  1. AMIE VC ESTAR NO MEU BLOG! E AMORES AMIGOS EU ACHO QUE EH MELHOR DO QUE SÓ AMOR NEH?
    *-*

    ResponderExcluir