Minhas desequilibradas palavras são o luxo do meu silêncio. Clarice Lispector.

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Preconceitos = ignorância = falta do saber!

Delírios e Alucinações - alteração da percepção

Á cada aula de psicopatologia me deparo com aulas  de conhecimentos extremos e interessantes e fico pensando como alguém que estuda psicologia tem opiniões tão preconceituosas  que me pergunto, porque estuda  uma área tão sensível e de extrema importância para a saúde mental do ser humano. seja pra tratá-lo ou se for possível a inclusão deles na sociedade com o mínimo de dignidade.
Sempre  escuto com atenção aos diversos casos de seres humanos com delírios  e alucinações e me pergunto porque  pessoas que sabem que existem essa possibilidade de uma hora pra outra em um surto você ter algum desses diagnósticos, como esquizofrenia e diversos transtornos mentais,ainda existem pessoas procurando ter algum tipo de doença por pura vontade que pra mim também acaba sendo um transtorno, quem quer viver com algo que te incomoda, seja dor, sejam diversos sintomas, seja algo que te impeça de realizar tantas coisas, eu sinceramente não compreendo ainda o porque dessa necessidade de querer ser " doente" . o que prejudica quando a pessoa realmente tem , os profissionais de diversas áreas da saúde acabam que generalizando e quem realmente tem acaba demorando anos pra descobrir  um diagnóstico e sendo rotulada ou rotulado,são problemas que necessitam de uma atenção e cuidado extremo.
O desafio de lidar  com pacientes e na aérea da psicopatologia   é imensamente sério e de uma entrega total, sendo que temos que nos desfazer de qualquer tipo de preconceito, a busca pela informação  é a  chave para o não preconceito e a liberdade bem usada.
E que não nos esqueçamos que todos podemos ter surtos , o ser humano é sobrecarregado, portanto pense bem antes de julgar o desconhecido ou busque conhecimento.

e um dos sonhos profissionais  da psicologia  é a inclusão e o acolhimento dessas pessoas que realmente sofrem e estão nos CAPS da vida ou abandonados em um canto qualquer.

Fabiana Murer
Graduando em psicologia.

OBS:  é hj foi um post diferente, não falei de mim e  não escrevi reflexões que todo que passam por aqui  me falam em outras redes sociais que refletem  sobre seus conflitos mas espero que reflitam sobre isso também.

2 comentários:

  1. oi, me fez uma pergunta se sou? estou no 3 ano de psicologia , falta um tantinho pra ser uma psi. ^^

    ResponderExcluir